Redação Nota 1000
-->
Postado: 2 de janeiro de 2018|Nenhum Comentário

Já conversamos que informação é tudo para você escrever bem sua redação, né?

E como 2017 foi um ano com muitas movimentações naturais, sociais e políticas/econômicas vamos fazer um apanhado de temas que provavelmente irão continuar em pauta neste ano.

EUA e Coréia do Norte

Após assumir  a presidência dos EUA, Donald Trump, começou a cumprir as promessas de sua campanha. Restrição ainda maior nas fronteiras, polêmicas com a imprensa, maior permissividade nas leis de meio ambiente e, o que atualmente vem despertando maior temor em toda comunidade mundial, provocações intensas com Kim Jong-un, líder da Coréia do Norte. A preocupação é especialmente por que os dois países são detentores de bombas atômicas o que causaria uma grande guerra nuclear no mundo.

Política no Brasil

Michel Temer, em junho, foi considerado o presidente com o menor índice de aprovação, cerca de 9%, inferior ao de Fernando Collor ao sair antes do processo de impeachment ser finalizado. O ano de 2017 ficou marcado por diversos casos de corrupção na política brasileira envolvendo diversos partidos e políticos que já eram figuras conhecidas há anos. Houve a reforma trabalhista e a tentativa da reforma previdenciária que ainda está em tramitação mesmo com rejeição de 71% dos brasileiros.

Preconceitos, desigualdades e lutas pelos direitos humanos

Neste ano foram discutidas diversas lutas. Alguns estudos publicados em 2017 confirmaram que a desigualdade entre os mais ricos e os pobres no Brasil ainda é uma das mais altas do mundo. As lutas das mulheres ganharam as ruas do Brasil e até Hollywood. Diversos episódios de homens famosos e poderosos que assediaram mulheres foram expostos e culminaram em demissão ou afastamento dos agressores. A identidade de gênero foi um assunto muito abordado inclusive sendo pauta em uma novela da Rede Globo e promete vir com força em 2018 abrindo espaço para debate e entendimento sobre o assunto. A luta LGBT continuou forte e houve a celebração de 20 anos da Parada LGBT de São Paulo. O lugar de fala também chegou para os movimentos de identidade racial, sendo muito discutida a apropriação cultural e a violência sofrida por negros em diversos lugares do mundo.

Meio ambiente e destruição

Diversos incêndios aconteceram ao redor do mundo, em Portugal 62 pessoas morreram tentando fugir do fogo que estava fora de controle. A Califórnia teve diversas florestas exterminadas por conta do clima seco que alastrou rapidamente o fogo. Incêndios criminosos também continuaram acontecendo no Brasil, queimando plantações, matando animais e destruindo parte do parque nacional da Chapada dos Veadeiros. No final de 2017 uma onda de frio sem precedentes atingiu o Canadá e o norte dos Estados Unidos, as temperaturas que podem chegar a -40% são esperadas até o começo de 2018. A perspectiva é que o desequilíbrio ambiental permaneça e aumente caso a população mundial e seus líderes não trabalhem a favor da natureza.

 

Fontes:
Retrospectiva 2017
Como 2017 explica 2018

Tags:, , ,


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *